Telefone: (41) 3699-8600(Centro) - (41) 3699-8700(Cachoeira)

» Dezoito alunos se formam num projeto que tem a parceria do Município e da Justiça do Trabalho

22 de Outubro de 2019 às 15h23

O Tribunal Regional do Trabalho do Paraná realizou a solenidade de formatura dos 18 alunos da 17ª Turma do Curso de Inclusão Digital e Cidadania do Projeto "Roberto Dala Barba”, em Curitiba. As crianças e adolescentes que participam estão em situação de risco social e os jovens com deficiência que, em 44 horas/aula, superaram barreiras e empenharam-se em absorver conteúdos de informática e de cidadania.

O programa, que existe desde 2005, já formou quase 250 pessoas. Os professores são magistrados e servidores do TRT-PR que ministram as aulas de forma voluntária. As atividades ocorrem no laboratório de informática da Escola Judicial da instituição. Os estudantes são do Centro de Convivência Estrelar de Almirante Tamandaré (antigo PETI), de onde vêm os jovens carentes e da Universidade Livre para a Eficiência Humana (UNILEHU), na qual estudam os alunos com deficiência. Em algumas edições, o programa também atendeu funcionários que prestam serviços terceirizados no Tribunal.

Além de dar acesso a noções básicas do mundo digital, o projeto oferece aulas de cidadania, com tópicos que abrangem a problemática do trabalho infantil, a inserção do adolescente no mercado de trabalho via contratos de aprendizagem e direitos e deveres do cidadão. O prefeito de Almirante Tamandaré, Gerson Colodel, participou do evento e afirmou que iniciativas como a do curso de Inclusão Digital e Cidadania do Projeto Roberto Dala Barba são importantes, "porque tratam do futuro do país, que são nossas crianças".

A formatura dos alunos foi prestigiada pela juíza Sandra Mara Flügel Assad, pela procuradora regional do trabalho e coordenadora do Fórum de Aprendizagem do Paraná, Mariane Josviak, pelo secretário de família e desenvolvimento social de Almirante Tamandaré, Ernesto Antonio Rossi, pela diretora de assistência social da Prefeitura, Edilsem Cristina Mengarda Figueroa, pela responsável pelo Setor Pedagógico da UNILEHU, Amanda de Lima Gogola, e pela coordenadora do Centro de Convivência Estrelar, Jessica Karoline de Lara Kafka.  Também compareceram ao evento familiares dos formandos e servidores que ministraram as aulas.


Assine Nossa Newsletter

Av. Emílio Johnson, 360 - 83501-000 - Almirante Tamandaré - PR | Última Atualização: 10/10/2019 às 14:59:53