Prefeitura Almirante Tamandaré

Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré

Notícias

17/10/2017 Delegacia de Almirante Tamandaré poderá funcionar normalmente Situação de presos foi resolvida e os policiais agora serão liberados para investigações

Depois de ter sido interditada judicialmente, a cadeia da Delegacia de Almirante Tamandaré foi completamente esvaziada. Ontem (16) saíram os últimos seis presos da unidade. As transferências foram determinadas em decisão judicial depois de fugas, registradas durante o mês de setembro, e em função da superlotação. A decisão foi assinada pela juíza Inês Marchalek Zarpelon, da Vara da Corregedoria dos Presídios de Almirante Tamandaré, em resposta a um pedido de providências para a transferência dos presos por causa da superlotação, de problemas de saúde, além de riscos de rebelião.

“Delegacia não é lugar de preso. Não temos estrutura física, pessoal e nem conhecimento, pois não é atribuição da Polícia”, lembrou o delegado Tito Lívio Barrichelo, titular em Almirante Tamandaré. A capacidade inicial da carceragem era para seis presos transitórios, mas ela chegou a ter 36 detentos. Com isto, os policiais civis acabavam tendo que desviar a função de investigação e tinham que cuidar, literalmente, dos presos.

O prefeito Gerson Colodel parabenizou o delegado Tito Lívio Barrichelo pelo empenho na melhoria do prédio e na retirada dos presos da cadeia. “A retirada destes presos nos traz uma série de consequências positivas para a segurança no Município. Primeiro, os policiais são liberados para a função original deles, que é o de investigação. Segundo, acabam as fugas no meio da cidade. Terceiro, os inquéritos policiais sobre delitos praticados no Município poderão ser bem embasados e servirão, com certeza, para condenações futuras”, pontuou o prefeito.

Os detidos em Almirante Tamandaré, com o fechamento da cadeia, serão encaminhados para o Sistema Penitenciário.

Imagens Relacionadas
Audio

e-mail